MENU
Sul News
Naviraí - MS, 22/11/2017
Hoje: Máx 0°C / Mín 0°C

Acidente mata e retirada de carro revolta familiares

CAMPO GRANDE

Foto: ANDRÉ BITAR
Acidente mata e retirada de carro revolta familiares
Momento em que homem tira carro de local de acidente, a mando de procurador

ANAHY GURGEL

A condutora Cirlene Lelis Robalinho, 48 anos, que invadiu calçada e matou a idosa Verônica Fernandes de 91 anos, na tarde desta quarta-feira (13), é esposa do procurador Gilberto Robalinho da Silva. Ele revoltou familiares da vítima ao ordenar a retirada do carro da mulher do local do acidente, antes mesmo da chegada da polícia de trânsito.

O acidente ocorreu por volta das 13h. Testemunhas contaram que três pessoas, incluindo a idosa, estavam caminhando pela calçada, quando o carro desgovernado atropelou uma delas. A vítima morreu na hora.

Logo após o acidente, a equipe de reportagem presenciou o momento em que o marido da condutora ordenou que um homem que estava com ele retirasse o carro do local, antes mesmo da chegada da polícia de trânsito, o que revoltou familiares da vítima.

“Não é só porque ele é procurador que pode fazer isso, que o caso vai ficar assim, vamos correr atrás da Justiça”, disse a neta da idosa, Roselaine Oliveira Ricalde, 36 anos.

Como os ânimos ficaram exaltados, o procurador deixou o local em seguida, sem que a imprensa pudesse questioná-lo.