MENU
Sul News
Naviraí - MS, 26/9/2017
Hoje: Máx 0°C / Mín 0°C

Gerente de Saúde diz que não há mentira na resposta

NAVIRAÍ

Foto: EDILSON OLIVEIRA
Gerente de Saúde diz que não há mentira na resposta
Edivan Thiago Barros Barbosa, gerente municipal de Saúde

EDILSON OLIVEIRA

O gerente municipal de saúde - Edivan Thiago Barros Barbosa, em entrevista ao SULNEWS, disse que não mentiu para os vereadires quanto a demanda de pacientes por serviços de otoriinoloaringologia. Ele afirmou que a prestação de serviço nesta especialidade médica está sendo adequado para que a população de Naviraí seja bem atendida.      

Edivan declarou - "Nós temos feito um trabalho sério e com planejamento, esta,os ajustando todos os pontos que tem que ser ajustados e não negligenciamos qualquer informação sobre o nosso trabalho (da Gerência de Saúde) para a Cãmara Municipal...".

E ele prossegue - "... Todas as informações prestadas são baseadas em números que te,os disponíveis. E cm relação a conratação dos otorrinos e sobre a demanda existente, não fomos mentirosos".

Edivan declarou: - "Nós fizemos o levantamento aterior ao início dos nossos trabalhos e iniciamos uma nova nova fase coma contratação de dois profissionais, no dia primeiro de agosto". 

O que pode ter havido entre o gerente Edivan Thiago Barros Barbosa e vereadira Lourdes Elerbrock pode ser a forma de interpretaçao numérica. A demanda estava registrada para Dourados e após ele assumir a gerêncoa apenas um novo paciente foi registrasdo oficialmente como demanda para Naviraí, inclusive os que estavam con cirurgias marcadas (números ainda não informados ao SULNEWS). os encaminhamentos registrados para Dourados, cujos pacientes são de Naviraí, poderão ter remarcações, para que sejam atendidos na origem (oficialmente, em um ano, foram 256 pessoas atendidas em diversos graus de evolução de quadros médicos de pacientes com problemas em narizes, gargantas e ouvidos).      

Continuando com a resposta do gerente de Edivan, ele comentou que "havia pacientes com problemas cirúrgicos foram encaminhados via Sisreg para Dourados. E  no momento em que a resposta foi dada para a Cãmara, de fato só havia um paciente em nossa fila de espera".

Barros Barbosa disse que "com a contratação do casal de profissionais - Leonardo e Milena Xingu, obviamente que criamos uma demanda de cirurgias, e que agora os otorrinos estão identificando uma nova demanda, pois os pacientes estão passando pelo novo serviço disponibilizado pelo municipio".

Segundo o fisioterapeuta e gerente municipal de saúde, "próximo ao fim do primeiro mês de atendimento dos profissionais recém-contratados fizemos uma reuniçao com eles, com a demonstração de procedimentos a serem feitos na especialidade médica e das principais demandas, incluindo os casos que requerem a marcação de cirurgias e discutimos o planejamento para haver o início dos atemdimentos, em Naviraí".  Ele não quiz dar o número precviso de cirurgias a serem realizadas, sem antes falar com os profissionais, para havera checagem dos novos números.

Os profissionais contratados devem entregar um relatório informando quais são os materiais e os equipamentos necessários para erem comprados para realizar os primeirso procedimentos. "No momento aguardamos a resposta deles para poder estruturar os serviços cirurgicos de otorrinolaringologia, que depende de exames específicos, os quais destamos buscando viabilizar, portanto nao há qualquer mentira na informação enviada para a Câmara Municipal", encerrou