MENU
Sul News
Naviraí - MS, 18/1/2018
Hoje: Máx 0°C / Mín 0°C

MS deve colher 49,7 milhões de toneladas de cana-de-açúcar

SAFRA 2017-18

Foto: ARQUIVO
MS deve colher 49,7 milhões de toneladas de cana-de-açúcar
Colheita da cana

O Mato Grosso do Sul deve colher 49,79 milhões de toneladas de cana-de-açúcar na safra 2017/18, estimou a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), nesta semana. O volume é ligeiramente menor que a produção deste ano, de 50,29 milhões de toneladas. A queda é de 1%, abaixo da retração em todo o País, de 3,3%. 

A redução da produção de cana em Mato Grosso do Sul decorre da previsão de menor produtividade. A área deve aumentar em 7,5%, de 619 mil hectares para 665,4 mil hectares. No entanto, há projeção de diminuição de 7,9% na produtividade, de 81.251 quilos por hectare para 74.835 quilos por hectare. 

De acordo com a Conab, esse cenário se relaciona a intempéries, especificamente à queda de granizado e forte geada em julho, considerada uma das maiores dos últimos 15 anos. Essa situação forçou a antecipação da colheita. "A partir de outubro as chuvas se regularizaram, favorecendo o crescimento da cana-de-açúcar que já foi colhida", acrescentou a companhia. 

"Em relação aos ataques de pragas e doenças, não houve relatos sobre níveis de infestação que comprometessem a produtividade das lavouras", informou a Conab. "As principais pragas que atacam as lavouras são a broca, contida principalmente por controle químico, e a cigarrinha, controlada principalmente através de controle biológico, estão dentro dos níveis aceitáveis de população, visto que que o uso de novas variedades e mudanças no manejo têm contribuído para um bom controle", acrescentou. 

"O bicudo da cana-de-açúcar também tem sido um problema nas lavouras. A praga ataca as plantas, reduzindo o vigor vegetativo, além de causar perdas qualitativas nas lavouras. O controle normalmente tem sido feito com o corte da palha na linha das soqueiras e com a aplicação de inseticida", detalhou a Companhia.

Em todo o País, a produção de cana-de-açúcar da safra 2017/2018 deve chegar a 635,59 milhões de toneladas, com um recuo de 3,3% frente às 657,18 milhões da temporada anterior.